- Publicidade -

Bolsa sobe 0,22% no dia, mas registra pior semana desde fevereiro

- Publicidade -

A reação provocada pela aprovação do projeto que reformula o Imposto de Renda voltou a ofuscar o mercado nesta sexta-feira (3). Apesar de uma leve alta no dia, a bolsa de valores registrou a pior semana desde fevereiro. O dólar chegou a cair durante a manhã, mas reverteu a queda e fechou praticamente estável pelo segundo dia seguido.

O índice Ibovespa, da B3, encerrou esta sexta aos 116.933 pontos, com alta de 0,22%. O indicador chegou a cair 0,94% na mínima do dia, por volta das 14h30, mas recuperou-se num movimento de compra de ações que ficaram baratas demais e fechou o dia próximo dos 117 mil pontos.

- Advertisement -

Apesar da leve alta de hoje, o Ibovespa fechou a semana com perda de 3,1%. Esse foi o pior desempenho desde a última semana de fevereiro, quando o índice havia caído 7,09%. Na semana passada, o índice havia avançado 2,22%.

No mercado de câmbio, o dólar comercial encerrou o dia vendido a R$ 5,185, com alta de apenas 0,03%. A moeda chegou a cair para R$ 5,13 nos primeiros minutos de negociação, após a divulgação da desaceleração no mercado de trabalho nos Estados Unidos. No entanto, as pressões internas prevaleceram, e a divisa passou a operar próxima da estabilidade, alternando altas e baixas ao longo de quase todo o dia.

As tensões em relação à reforma do Imposto de Renda continuam provocando turbulências no mercado doméstico. Além do prejuízo para empresas grandes, principalmente instituições financeiras, com o fim do benefício de dedução do Imposto de Renda na distribuição de juros sobre capital próprio, existe o receio com a perda de arrecadação provocada por mudanças no projeto.

Mais cedo, o secretário especial de Tesouro e Orçamento do Ministério da Economia, Bruno Funchal, estimou em cerca de R$ 20 bilhões a perda de receitas em 2022. A Instituição Fiscal Independente (IFI), órgão vinculado ao Senado, divulgou um estudo com previsão de impacto de R$ 21,8 bilhões no próximo ano, R$ 11 bilhões em 2023 e R$ 12,3 bilhões em 2024. As tensões políticas também trouxeram preocupação ao mercado financeiro.

No mercado internacional, a divulgação da criação de 235 mil vagas de trabalho nos Estados Unidos em agosto empurrou para baixo a cotação do dólar. O número veio bastante abaixo das projeções dos analistas, que previam a criação de mais de 700 mil postos, reacendendo as expectativas de que o Federal Reserve (Fed, Banco Central norte-americano) não comece a retirar tão cedo os estímulos monetários concedidos durante a pandemia de covid-19. Juros baixos em economias avançadas estimulam o fluxo de recursos para países emergentes, como o Brasil.

*Com informações da Reuters.

- Publicidade -
- Publicidade -

Falando Nisso...

Porno Gratuit Porno Français Adulte XXX Brazzers Porn College Girls Film érotique Hard Porn Inceste Famille Porno Japonais Asiatique Jeunes Filles Porno Latin Brown Femmes Porn Mobile Porn Russe Porn Stars Porno Arabe Turc Porno caché Porno de qualité HD Porno Gratuit Porno Mature de Milf Porno Noir Regarder Porn Relations Lesbiennes Secrétaire de Bureau Porn Sexe en Groupe Sexe Gay Sexe Oral Vidéo Amateur Vidéo Anal