Diário Carioca Google News

O Comitê de Apelação da Real Federação Espanhola de Futebol reprovou o recurso apresentado pelo Atlético de Madrid contra o segundo cartão amarelo recebido pelo atacante Diego Costa no duelo com o Getafe, no último fim de semana, e com isso o jogador não poderá enfrentar o Eibar, no sábado, pela 19ª rodada do Campeonato Espanhol.

O brasileiro naturalizado espanhol foi expulso após marcar o segundo gol ‘colchonero’, por comemorar com a torcida rente à arquibancada.

Segundo o comitê, o a Regra 12 de Jogo da Fifa indica “de maneira totalmente clara e diáfana” que o jogador deverá ser advertido “quando se aproximar dos espectadores de uma maneira que suscite problemas de segurança”.

Ainda de acordo com o comitê, o Atlético não alegou erro do árbitro no recurso, e “somente parece discordar da avaliação da ação feita pelo árbitro”.

Diego foi expulso por duplo cartão amarelo. Ele recebeu o primeiro aos 22 minutos do segundo tempo ao atingir o rosto do zagueiro togolês Djene Dakoman com o cotovelo, e o segundo aos 28, pela comemoração proibida.

Além de ratificar a partida de suspensão, o Comitê de Competição decidiu que o clube deverá pagar uma multa de 350 euros, e o jogador, de 600. EFE

Jornal Diário Carioca - Notícias do Rio de Janeiro - Brasil e Mundo (1)

Redacao

Equipe de jornalistas do Jornal DC - Diário Carioca

Deixe um comentário

Deixe uma resposta