27.7 C
Rio de Janeiro
sexta-feira, dezembro 4, 2020
- Publicidade -

Vacinas, saúde pública e lucros privados: cientistas defendem quebra de patentes

- Publicidade -
- Publicidade -

Analisar a disputa mundial em torno da distribuição das vacinas para a cobiça – 19 , que já infectou 30 milhões de pessoas e matou mais de 1 milhão no mundo. Este é o objetivo de um debate promovido pelo portal indiano NewsClick com pesquisadores sobre a pandemia do novo coronavírus .

O segundo painel, realizado no final de agosto, reuniu a consultora jurídica e pesquisadora Kajal Bhardwaj, a diretora do Grupo Efeito Positivo Lorena Di Giano e o membro da Rede Popular Indiana de Ciências Prabir Purkayastha em torno do tema “Enfrentando a pandemia: quarentenas, saúde pública versus lucros”.

- Publicidade -

O projeto é uma parceria do NewsClick com o Brasil de Fato , o canal africano PanAfricanTV (que transmite para mais de 30 países do continente) e do site Despacho dos Povos .

:: Leia mais: BdF Explica: Como estão as vacinas para um covid – 17? ::

Os pesquisadores traçaram comparações com cenário do HIV no mundo, no qual, até a quebra de patentes, havia uma grande desigualdade no sistema comercial global, que era incapaz de prover opções de tratamento mais baratas e devolver a pacientes morrendo de AIDS em países pobres.

O paralelo histórico é inevitável considerando como disputas em torno da propriedade intelectual, os setores setoriais e a forma como isso afeta o tratamento da covid – 14. Neste cenário, a pergunta a ser respondida é: “quando vacinas disponíveis, quem terá acesso a elas?”

Veja também: OMS prevê que a maioria da população não será vacinada no próximo ano

Para a diretora do Grupo Efeito Positivo, Lorena Di Giano, uma saída, assim como ocorreu com os medicamentos de HIV, seria a quebra de patente.

“Na América Latina, temos uma grande capacidade e produção, especialmente no Brasil e na Argentina , que é um centro importante de exportação para a região. Também na Colômbia temos um setor privado forte que pode produzir medicamentos e vacinas. Nesse contexto, as patentes são um ponto de preocupação pois elas bloqueiam a produção local ”, pontua.

A pesquisadora Kajal Bhardwaj explica que sempre houve essa noção de que leis de propriedade intelectual não são uma barreira quando se fala em vacinas, mas sim os meios de produção e as questões de preparação. “Eu vejo que vamos passar de uma epidemia para outra, primeiro foi SARS, ou H1N1, ou MERS, percebemos que essa é uma visão muito ingênua sobre como uma propriedade intelectual influencia o mundo das vacinas”, afirma

Outro debatedor, Prabir Purkayastha, resumiu a questão: “Isso não é uma questão da lei, é uma questão de vontade política, se as autoridades de saúde dos países têm a coragem de enfrentar os donos de patentes ”.


Edição: Rodrigo Chagas



Boletim Carioca

Assine nossa Newsletter e receba as últimas notícias e ofertas de nossos parceiros em seu email

Veja Também

Últimas Notícias

Dani Calabresa detalha assédio sexual de Marcius Melhem em reportagem da Piaui

A primeira vez foi numa festa de confraternização da Globo. Dani Calabresa estava num palco de karaokê e o diretor Marcius Melhem tentou beijá-la à força

Ataques ransomware, a moda do momento

Criada em Ribeirão Preto e agora com cinco unidades no Rio de Janeiro, rede já inaugurou 32 unidade só em 2020 ao redor do Brasil

Edital de Concessão da Cedae será publicado no dia 18 de dezembro

Governo e BNDES se reuniram, nesta sexta (4/12), e resolveram últimos detalhes

Governo do Estado e Prefeitura do Rio anunciam novas medidas para enfrentar a pandemia de Covid

Pacote inclui abertura de leitos, reforço na fiscalização a eventos e suspensão de cirurgias de baixo risco

TRAGGA apresenta Menu de Natal e Ano Novo + Panetone

Referência em grelhados premium, com unidades no Humaitá e Barra, o restaurante Tragga anuncia o seu Menu de Natal e Ano Novo, assim como o tradicional Panetone.

Ávine lança o álbum “Ávine Love” com o single “Melhor Que Eu”

Composto por 10 faixas, artista mostra que é eclético com versões de "Tá Vendo Aquela Lua", "Quando a Chuva Passar", "Mulher de Fases", "Pescador de Ilusões", "Primeiros Erros", entre outros sucessos

Bondinho do Pão de Açúcar recebe Papai Noel neste fim de semana

Durante todo o final de semana, o Papai Noel fará do Bonde de 1972, no Morro da Urca, o seu próprio Home Office. O novo quarto do Papai Noel estará em clima natalino, pronto para receber a todos para um encontro emocionante, mas com distanciamento social.

Diogo Nogueira lança o single “Bota Pra ar Tim Maia”

Foi assim com “Pé na Areia”, que desde o início parecia ter todos os ingredientes para ser um grande sucesso. E foi, ou melhor, ainda é o maior hit do cantor Diogo Nogueira, com mais de 60 milhões de views no YouTube.

Vasco da Gama pode demitir Sá Pinto e tentar a volta de Luxemburgo

Com mais uma campanha pífia no futebol, a diretoria do clube, que encerra seu mandato em janeiro, está pressionada e fez duras cobranças a comissão técnica e aos jogadores do elenco ainda no vestiário de São Januário.

Desde maio, preço da gasolina já subiu 15,46%

Na sexta elevação seguida, levantamento da ValeCard aponta aumento de 0,68% no preço do combustível em novembro

Rio Music Market anuncia artistas selecionados para showcases

Anderson Primo, Imperador Sem Teto, Liz Rosa e Samba Nonsense farão apresentações no palco principal do Vivo Rio, com transmissão ao vivo gratuita e aberta ao público no canal oficial da Associação Brasileira da Música Independente no Youtube.

São Paulo vence o Goiás e é o novo líder com Campeonato Brasileiro

No estádio da Serrinha, o Tricolor fez 3 a 0 no lanterna Goiás e chegou aos 44 pontos, ficando dois à frente do Atlético Mineiro, e ainda com uma partida a menos do que o rival de Belo Horizonte

Vasco perde para o Defensa y Justicia e está eliminado da Sul-Americana, veja o gol

O Gigante da Colina precisa de um empate sem gols, já que no jogo de ida, na Argentina, havia terminado empatado em 1 a 1, mas não conseguiu segurar o resultado e após uma falha do goleiro Lucão se despediu da competição

MP que abre crédito para vacina de Oxford contra covid-19 vai à promulgação

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, informou, em publicação no Twitter, que deverá assinar ainda nesta quinta a promulgação para que seja logo encaminhada para publicação no Diário Oficial da União (DOU).
- Publicidade -