A vacina Janssen foi aprovada para ser usada de forma emergencial no Brasil para combater a Covid-19. A aprovação vem da Diretoria Colegiada da Anvisa, na última quarta-feira (31/3), e autoriza o País a utilizar a vacina desenvolvida pela Janssen, braço farmacêutico da Johnson & Johnson. A solicitação de uso emergencial foi feita pela empresa no dia 24 de março.

Auxílio Emergencial: governo anuncia pagamento do benefício já na próxima semana

Escala Brasil Transparente avalia cumprimento da Lei de Acesso à Informação entre estados e municípios

Depois de analisar os estudos apresentados pela farmacêutica, a Anvisa concluiu que a vacina protege contra a forma grave da doença e é eficaz para prevenção da Covid-19 em pacientes adultos. A vacina da Janssen é indicada para pessoas acima de 18 anos. Segundo as informações da Anvisa, o imunizante é aplicado em dose única de 0,5ml e demonstrou, nos testes apresentados, 66,9% de eficácia para casos leves e moderados e 76,7% de eficácia para casos graves, após 14 dias da aplicação.

O prazo de validade desta vacina é de três meses quando armazenado na temperatura entre 2°C e 8°C. Após aberto, o frasco pode ser utilizado em até seis horas. Com a aprovação da vacina da Janssen, o Brasil se destaca como sendo um dos países com maior quantidade de vacinas validadas para aplicar em sua população, sendo, ao todo, cinco vacinas aprovadas.

Continue Lendo

Reportagem:

Com formação em jornalismo e pós-graduação em linguística, Janary Damacena se especializou em Narratologia e no Storytelling para reportar notícias. Com participação em redações de jornais impressos, revistas, rádios, televisão e assessorias de imprensa; alguns de seus trabalhos mais marcantes foram realizados em lugares como a Agência do Rádio Brasileiro, Rádio Nacional, Jornal de Brasília, Agência Rádio Web, Jornal Tribuna do Brasil, TV Educativa, Presidência da República, Ministério da Saúde, Revista Plano Brasília, Agência Gralha Comunicação e Vídeo e Organização das Nações Unidas (ONU).

Edição:

Jornalista há 20 anos, com experiência em diversas mídias, passando por rádio e a TV, mas, mais especificamente, nos principais jornais impressos da capital, Correio Braziliense e Jornal de Brasília. Além disso, exerceu a profissão em importantes órgãos, como Ministério da Educação, Procuradoria Geral da República, Ministério da Saúde, Banco Central e Ministério do Meio Ambiente. Em todos eles, desempenhou as funções de redação, edição, revisão de textos, fotojornalismo, assessoria, entre outros.

Edição de áudio:

Apreciador da Discotecagem mixagem e produção musical começou a trabalhar como Radialista há algum tempo. Ingressou na equipe do Brasil 61 em 2011. Sua missão como editor de áudio, é preservar a qualidades sonora para os nossos parceiros.

Receba nossos conteúdos em primeira mão.

Redação do Diário Carioca

Equipe de jornalistas e colaboradores do jornal Diário Carioca. Profissionais de comunicação que trazem as informações mais importantes do Brasil e do Mundo