Carnaval Carioca: Idosa tem cadeira de rodas imprensada por carro da Paraíso do Tuiuti

Redacao
Redacao
Leia em 2 Min

Uma integrante da Escola de Samba Paraíso do Tuiuti passou mal durante o desfile do Grupo Especial, na noite deste sábado, na Marquês de Sapucaí, e a cadeira de rodas onde ela estava acabou imprensada por um carro alegórico da própria agremiação.

Este foi o segundo acidente envolvendo carros alegóricos registrado neste carnaval fora de época no Rio de Janeiro. No primeiro, a menina Raquel Antunes, de 11 anos, morreu após ser imprensando por um carro da escola de samba Em Cima da Hora.

Hoje (24), a assessoria de imprensa da escola informou que Alba Regina Gomes, de 72 anos, recebeu alta da emergência do Hospital Souza Aguiar, após um carro alegórico colidir com a cadeira de rodas em que estava, na madrugada deste domingo.

“Ela se encontra bem e foi para casa. Durante o desfile da azul e amarelo, ela se sentiu mal e foi socorrida pela equipe de socorristas do Sambódromo, quando o último carro da agremiação “bateu” em sua cadeira de rodas”, informou a assessoria da Tuiuti.

A Paraíso do Tuiuti, que foi a primeira escola a se apresentar na noite de ontem no Sambódromo, acompanhou Alba Regina no hospital e se colocou à disposição para ajudá-la no que for preciso

Compartilhe
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.