/

Guia completo para aproveitar o feriado de São Sebastião no Rio de Janeiro

9 mins de letura
Catedral de São Sebastião no Rio de Janeiro
Catedral de São Sebastião no Rio de Janeiro

Nesta sexta-feira, 20 de janeiro, celebra-se o dia de São Sebastião, padroeiro do município do Rio de Janeiro e o Diário Carioca em parceria com o Hurb, te traz as melhores dicas para aproveitar ao máximo a Cidade Maravilhosa.

Ainda que o nome da cidade faça referência à D. Sebastião I, rei da Coroa portuguesa na fundação da cidade, o santo ganha essa honra por uma questão simbólica. Segundo a lenda, em 20 de janeiro de 1567, quando o território carioca sofria uma invasão francesa, São Sebastião teria participado da luta ao lado dos portugueses para proteger a cidade.

Sob as graças do padroeiro, o feriado é a data perfeita para o carioca que não conhece os pontos turísticos do próprio local onde nasceu viver a experiência de ser um turista na Cidade Maravilhosa. O Hurb, empresa de tecnologia com a maior plataforma de viagens no Brasil, preparou um guia  de programas turísticos para aproveitar a data.

O primeiro deles não poderia deixar de ser a visita à Catedral de São Sebastião do Rio Janeiro, também conhecida como Catedral Metropolitana, no Centro. Inaugurada em 1979, sua construção cônica de 75 metros de altura, com quatro vitrais de mais de 60 metros, se destaca na paisagem do bairro. A base circular da arquitetura do prédio simboliza a equidistância entre Deus e cerca de 20 mil fiéis, sua ocupação máxima. A catedral está aberta a visitação todos os dias, das 07h às 17h. As missas acontecem diariamente às 12h, com exceção de domingo, quando é realizada às 10h. Confira mais dicas do Hurb para curtir o feriado, faça chuva ou faça sol:

Dia de sol

Para começar o dia com o pé direito, o Rio possui uma variedade de cafés em suas diversas regiões. Alguns hotéis abrem o salão para não hóspedes, como Jo&Joe, no Largo do Boticário, e o Copacabana Palace. No Parque Lage, o Plage Café faz sucesso graças ao clássico casarão com piscina que o abriga. Ao lado dele, outro prédio antigo chama atenção. É o Museu do Meio Ambiente, com seu jardim convidativo e programação voltada para educação ambiental. 

Considerado uma das sete Maravilhas do Mundo Moderno, o Cristo Redentor é um dos ícones mundiais do Rio de Janeiro. Enquanto muitos vêm de longe para conhecê-lo, ainda há cariocas que nunca se deleitaram com essa vista tão marcante. Para riscá-lo da sua lista de pontos turísticos que precisam ser visitados, é possível comprar ingressos para o Cristo no Hurb, com direito a transporte de van com partida de hotéis selecionados. 

Guia completo para aproveitar o feriado de São Sebastião no Rio de Janeiro-  - Diário Carioca
Photo by Athena on Pexels.com

Ao garantir suas entradas, atenção aos descontos para idosos, crianças e nascidos ou residentes do município do Rio de Janeiro. Assim, seu passeio pode sair mais barato do que imaginava.

Outro passeio clássico para ver o Rio de Janeiro de cima é o vôo de parapente, com vista panorâmica da praia de São Conrado. A atividade inclui transporte até a Pedra Bonita, no Parque Nacional da Tijuca, onde acontece a decolagem, que conta com equipamento e instrutor para o voo sentado com duração de 10 a 15 minutos em média. Durante o passeio, a equipe registra os momentos com fotografias, entregues após a aterrissagem. Chegando em São Conrado, o Hurb indica curtir o dia nos quiosques próximos aos pontos de aterrisagem dos parapentes e asas-deltas, como o Barthô, Soga e Voo Livre – esse último que afirma servir o melhor açaí do Rio.”

Guia completo para aproveitar o feriado de São Sebastião no Rio de Janeiro-  - Diário Carioca
Foto: Jornada Kamoi

As belezas naturais da cidade também podem ser apreciadas por meio de trilhas. Com intensidades e tempos de duração diferentes, há opções para todos os públicos. Na Zona Oeste, destacam-se os passeios até a Pedra do Telégrafo, na Barra de Guaratiba, e ao Pico da Pedra Branca, no Parque Estadual da Pedra Branca, localizado nos bairros de Campo Grande, Recreio e Jacarepaguá. Na zona sul, a subida até a Pedra da Gávea é a opção preferida de turistas. Já a trilha do Morro Dois Irmãos, no Vidigal, garante uma vista privilegiada do pôr do sol. Depois de escolher uma delas, recomenda-se checar a necessidade de acompanhamento por um guia.

Esse momento de reverência ao sol, por si só, já é mais uma grande atração carioca. Para uma experiência acompanhada por drinks e petiscos, vale visitar o Arpoador – onde uma onda de aplausos ressoa a cada anoitecer, direto da pedra -, a Mureta da Urca e até a Yup Star, a maior roda gigante do Rio de Janeiro. O Mirante Dona Marta, no bairro de Santa Teresa, por sua vez, é buscado para aqueles que desejam admirar o amanhecer. O Hurb indica se conectar com o momento presente e, para os adeptos de redes sociais, os belos registros estarão garantidos. 

O BioParque, na Quinta da Boa Vista, é uma aposta certeira para agradar o público infantil. O novo zoológico do Rio combina diferentes biomas para abrigar aproximadamente mil animais de 140 espécies. Além do ingresso simples, há opções que incluem visita guiada e passeio em um pequeno barco pela reprodução do ambiente de Savana Africana do parque.

Ainda no centro da cidade, é do Largo da Carioca que parte o Bondinho de Santa Teresa. Com 10 km de trajeto, o bonde passa pelos Arcos da Lapa e sobe as ladeiras do bairro histórico. Localizado entre o Centro e a Zona Sul, Santa Teresa preserva construções do século XIX e do início do século XX, como o próprio bonde, instalado em 1872. O bairro oferece belas vistas de ambas as regiões, que podem ser observadas a partir do Parque das Ruínas – casarão que foi restaurado e transformado em centro cultural. Para o passeio de bonde, é cobrada uma taxa de R$20,00 para ida e volta. Estudantes da rede pública uniformizados, maiores de 65 anos e moradores do bairro têm direito à gratuidade. Já a entrada no parque é gratuita para todos.

Do alto do mesmo bairro, é possível descer até a Lapa por meio da Escadaria Selarón, ponto turístico imortalizado em obras do cinema e da música internacional. As escadas foram idealizadas pelo artista chileno Jorge Selarón, que cobriu seus 215 degraus com azulejos coloridos de todo o mundo, além de pintar a mão cerca de 300 deles. Em 2005, a obra foi tombada pela prefeitura para garantir sua preservação e o artista recebeu o título de cidadão honorário do Rio.

Na Zona Norte, o Parque Madureira oferece uma estrutura de lazer completa para crianças e adultos. São campos e quadras esportivas, áreas recreativas com brinquedos, palco e arquibancada para apresentações e praça de alimentação. No verão, o chafariz do espaço encanta os mais novos. Lá a programação para diferentes gostos vai da manhã até à noite. 

Praia é o destino certo dos cariocas nos dias mais quentes, mas muitos deles ainda não conhecem as ilhas da cidade. Entre a Barra da Tijuca e São Conrado, as Ilhas Tijucas são um refúgio conhecido pelas águas cristalinas, buscado principalmente por praticantes de atividades como mergulho, stand up paddle, caiaque e pesca. Durante a visita, com sorte, é possível até avistar golfinhos.

Já na Praia de Ipanema, o arquipélago das Ilhas Cagarras também se destaca especialmente entre os mergulhadores. A região é reconhecida por entidades internacionais por sua relevância biológica marinha, uma vez que agrega um sítio arqueológico, espécies ameaçadas e interação entre diferentes espécies de mamíferos aquáticos. 

Guia completo para aproveitar o feriado de São Sebastião no Rio de Janeiro-  - Diário Carioca
Ilhas Cagarras l — Foto: Projeto Ilhas do Rio/Divulgação

Já a Ilha da Gigóia, na Barra da Tijuca, conta com cerca de 3 mil habitantes, que precisam recorrer a barcos e jet ski com frequência em sua rotina. Graças às opções culturais, gastronômicas e shows do local, se popularizou como um programa para quem deseja fugir da tensão da cidade grande sem precisar ir muito longe.

Para terminar o dia, o Bafo da Prainha, no bairro da Saúde, ganhou popularidade graças à quantidade de bares e atrações musicais, além de estar localizado no Centro, sendo muito procurado para o happy hour. Nas tardes mais quentes, o banho de mangueira faz sucesso. No Cosme Velho, o Largo do Boticário foi revitalizado no ano passado, e ganhou novos ares de atração com música ao vivo. Esse é outro ponto da cidade conhecido pelas casas neocoloniais, hoje ocupadas pelo restaurante, bar e piscinas da rede de hospedagem Jo&Joe, abertos ao público.

Dia de chuva 

Para desbravar a cidade quando o tempo não está à favor, a pedida é conhecer espaços fechados. Gastando pouco, é possível fazer um roteiro cultural pelos museus da cidade. O Centro Cultural Banco do Brasil, no Centro, entra na reta final da exposição da dupla de irmãos grafiteiros OSGEMEOS. No mesmo bairro, o Museu do Amanhã expõe fotografias do premiado Sebastião Salgado, enquanto o Museu de Arte do Rio conta com a mostra itinerante da 34ª Bienal de São Paulo e a exposição Um Defeito de Cor, com 400 obras que ajudam a contar a obra homônima de Ana Maria Gonçalves. 

Guia completo para aproveitar o feriado de São Sebastião no Rio de Janeiro-  - Diário Carioca
CCBB RJ

Já na Gávea, o Instituto Moreira Salles exibe dois sucessos da crítica cinematográfica do ano passado, o brasileiro Marte 1 e o sul-coreano Decisão de Partir. Completam a programação do IMS na sexta-feira a Feira Crespa de afroempreendedorismo e um sarau com música, poesia e performance. Para uma experiência por autênticas manifestações culturais brasileiras, o Hurb indica dois programas. A Feira de São Cristóvão reúne o melhor da comida, música e artesanato nordestinos, além de diversos bares famosos pelo karaokê. Para os amantes do Carnaval, a pedida é a visita ao barracão da Grande Rio, última campeã carioca, na Cidade do Samba.
 

Na Barra da Tijuca, o Mercado de Produtores do Uptown oferece um cardápio gastronômico com variedade para os veganos, cervejas artesanais, frutos do mar, comida paraense, doces, petiscos e fast food. Em Benfica, na Zona Norte, o Mercado Municipal Cadeg concentra hortifrutis, floriculturas, mercearias, restaurantes e lanchonetes, sendo uma ótima opção para um almoço acompanhado de compras. Para impressionar as crianças, que tal visitar o maior aquário marinho da América do Sul? O AcquaRio abriga cerca de 2 mil animais de 350 espécies do Brasil e do Mundo em tanques que o visitante pode atravessar para uma experiência imersiva. O aquário abre diariamente às 9h e a entrada é permitida até às 17h30. 

Guia completo para aproveitar o feriado de São Sebastião no Rio de Janeiro-  - Diário Carioca
Mercado de Produtores do Uptow

Seguindo para a região central da cidade, a tradicional Confeitaria Colombo – fundada em 1894 – retrata a influência do movimento Belle Époque na arquitetura do Rio, durante o período colonial. Com traços art nouveau, a decoração do espaço ainda hoje é um dos principais atrativos do estabelecimento. A confeitaria, famosa pelo café da manhã, se divide em quatro restaurantes, oferecendo também almoço e chá da tarde. Próximo à confeitaria, no trecho conhecido como Pequena África, no bairro da Gamboa, está o reduto histórico afrobrasileiro que abarca o Cais do Valongo e a Pedra do Sal.  

Guia completo para aproveitar o feriado de São Sebastião no Rio de Janeiro-  - Diário Carioca
WAGNER PINHEIRO/DIVULGAÇÃO

Na mesma região, o Mosteiro de São Bento também atrai o público interessado em história e arquitetura, além de religiosos. O monastério surgiu no final do século XVI e sua construção ainda hoje contempla os estilos barroco e rococó, que caracterizaram o rebuscado estilo colonial da arte brasileira. Visitantes podem conhecer o mosteiro todos os dias, a partir das 06h30, até às 18h30. 

A agenda de shows de sexta-feira também conta com opções para todos os gostos musicais: Jack Johnson, L7NNON, Chico Buarque, Raça Negra e Roupa Nova. No teatro, a atriz Mônica Martelli apresenta “Minha vida em Marte” e Mariana Xavier está em cartaz com “Antes do ano que vem”. No Teatro Rival, na Cinelândia, The Queen Show reúne drag queens que participaram das duas temporadas do reality produzido por Samira Rios, antes da estreia da terceira temporada. 
 

Com o guia, a empresa de tecnologia carioca Hurb busca mostrar ao público local como aproveitar o feriado para dar um break na intensa rotina da cidade, olhando para os encantos da cidade como um turista

Vanessa Neves

Vanessa Neves é Jornalista, editora e analista de mídias sociais do Diário Carioca. Criadora de conteúdo, editora de imagens e editara de entretenimento do Diário Carioca

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

Mais Notícias

Ativar Notificações OK Agora não
Which Notifications would you like to receive?