25.5 C
Los Angeles
sexta-feira, outubro 7, 2022

Hilton Copacabana terá programação especial em outubro

Com o letreiro na cor rosa, em alusão à campanha de conscientização sobre o câncer de mama, o Hilton Rio de Janeiro Copacabana terá boas opções de gastronomia e entretenimento durante o mês de outubro. 

Michael Rodrigues e Daniella Rosas chegam as quartas de final do EDP Vissla Pro Ericeira

O brasileiro Michael Rodrigues e a peruana Daniella Rosas, já estão nas quartas de final do EDP Vissla Pro Ericeira em Portugal

Horóscopo do dia 07 de outubro de 2022

Horóscopo do dia 08 de outubro de 2022. Fique por dentro de tudo o que o seu signo lhe reserva para o amor, dinheiro e saúde.
InícioCulturaMúsicaConfira "You Never Knew My Mind", de Chris Cornell, primeira faixa do projeto "Johnny Cash: Forever Words"

Confira “You Never Knew My Mind”, de Chris Cornell, primeira faixa do projeto “Johnny Cash: Forever Words”

A primeira faixa do aguardado projeto Johnny Cash: Forever Words estreou nesta segunda-feira, 26 de fevereiro. “You Never Knew My Mind”, de Chris Cornell, é uma comovente canção, com uma poderosa história, que faz parte do álbum colaborativo composto por 16 músicas criadas a partir de poemas desconhecidos de Johnny Cash, interpretadas por artistas contemporâneos.

Em 1996, Johnny Cash gravou um cover do sucesso do Soundgarden “Rusty Cage”, escrito por Cornell, para “Unchained”, um de seus premiados álbuns. Vinte anos depois, Cornell escreveu o próximo capítulo desta relação musical única, ao transformar o recém-descoberto poema de Cash em música. “You Never Knew My Mind” foi gravada no histórico Cash Cabin Studio em Hendersonville, Tennessee, nos Estados Unidos, e marca uma das gravações individuais finais de Cornell. A faixa estreia acompanhada de um vídeo que mostra a gravação de Chris no Cash Cabin, com um depoimento do cantor sobre a experiência.

Cornell falou sobre Cash na ocasião: “eu o encontrei uma ou duas vezes na vida, e ele foi tão gentil e tinha tanta influência em mim como músico. Ele também gravou uma música que eu escrevi. Desde então, o sinto como, talvez, uma das maiores presenças na minha vida, em termos de artistas de quem sou fã“.

Quando Johnny Cash e June Carter Cash faleceram, eles deixaram como mais um legado o que seu filho John Carter Cash, coprodutor do álbum “Johnny Cash: Forever Words”, descreve como um “conjunto monstruoso de coisas”, incluindo um tesouro não descoberto de letras, poemas e documentos manuscritos, produzidos durante toda a vida de Johnny Cash.

Conheci Chris entre bastidores no começo dos anos 1990, quando meu pai fez um show em Seatle”, conta John Carter Cash. “Na época Chris me contou que era fã do meu pai mesmo quando a maioria dos amigos dele escutavam hard rock. Quando estava no processo de produção desse álbum anos depois, o contatei e ele ficou animado e horado de fazer parte do projeto. Chris conectou-se profundamente com as palavras do meu pai e sua versão final de ´Ýou Never Knew My Mind´ amarrou sua própria experiência de vida com a do meu pai em um nível honesto”.

Além da canção de Cornell, Johnny Cash: Forever Words também conta com novas faixas de nomes como Ruston Kelly & Kacey Musgraves, Rosanne Cash, Alison Krauss & Union Station, Kris Kristofferson & Willie Nelson, Brad Paisley, John Mellencamp, Carlene Carter, Elvis Costello, The Jayhawks, e mais.

Gravado incialmente no Cash Cabin Studio, em Hendersonville, Tennessee, “Johnny Cash: Forever Words” é também companheiro musical do livro best-seller “Forever Words: The Unknown Poems”, um volume com escritas inéditas de Cash, editado pelo poeta irlandês – ganhador do Pulitzer – Paul Muldoon e com a curadoria de John Carter Cash e Steve Berkowitz. Muldoon também contribui com o encarte do álbum. Muitas das músicas de “Johnny Cash: Forever Words” foram diretamente inspiradas por materiais do livro, enquanto outras foram retiradas de diferentes fontes de escritas inéditas de Cash.

Johnny Cash: palavras para sempre

1. Forever / I Still Miss Someone – Kris Kristofferson e Willie Nelson

2. Para junho desta manhã – Ruston Kelly e Kacey Musgraves

3. Gold All Over the Ground – Brad Paisley

4. Você nunca conheceu minha mente – Chris Cornell

5. A filha do capitão – Alison Krauss e Union Station

6. Jellico Coal Man – T. Bone Burnett

7. The Walking Wounded – Rosanne Cash

8. The Double Blues – John Mellencamp

9. Corpo no corpo – Jewel

10. Eu ainda vou te amar – Elvis Costello

11. Sundown de junho – Carlene Carter

12. Ele Bore It All – Dailey & Vincent

13. Chinky Pin Hill – Eu estou com ela

14. Goin ‘, Goin’, Gone – Robert Glasper com Ro James e Anu Sun

15. O que eu sonharia? – Os Jayhawks

16. Spirit Rider – Jamey Johnson

Confira a letra da canção:

 

Você nunca conheceu minha mente

John R Cash

Canção e letras adicionais por Chris Cornell

Eu sei que você sente

Como eu mudo

Mas você não pode mudar

Da maneira que eu me sinto

Às vezes eu sou um estranho para você

Um de cada tipo

Acho que de alguma forma

Você conseguirá

Embora você não

Saiba como levá-lo

Às vezes você é um estranho para mim

Um de cada tipo

Houve momentos de muita risada

E você sentiu que você entendeu

Estávamos despreocupados, abertos e honestos

Amoroso, amável e verdadeiro

Suponho que você nunca duvidou

Que estávamos bem

Você nunca soube minha mente

Você nunca soube minha mente

Meu silêncio é válido

Os segredos quando

Eu respondo, mas não respondo

Você não me viu bem o suficiente

Para reconhecer os sinais

Houve momentos de muita risada

E você sentiu que você entendeu

Estávamos despreocupados, abertos e honestos

Amoroso, fácil, amável e verdadeiro

E eu suponho que você nunca duvidou

Que estávamos bem

Então você viu as mudanças dolorosamente

E sabia

Você nunca soube minha mente

Você nunca soube minha mente

E eu suponho que você nunca duvidou

Que estávamos bem

Às vezes eu sou um estranho para você

Às vezes você é um estranho para mim

Às vezes … talvez o tempo todo

Você nunca soube minha mente

Eu nunca soube sua mente …

Notícias recomendadas

Leia sobre outros assuntos:

Notícias mais lidas