Diário Carioca Google News

O segundo dia de desfile das sete escolas do Grupo Especial de São Paulo foi marcado por muita cor, história  e  críticas sociais. A alegria contagiou não só os integrantes da escola como o público que brincou o carnaval. O tempo previsto foi ultrapassado. O desfile acabou nas primeiras horas de hoje (3).

A primeira a desfilar foi a Águia de Ouro seguida pela escola Dragões da Real ontem (2) no final da noite. Em seguida, na madrugada de hoje, vieram Mocidade Alegre, Vai-Vai, Rosas de Ouro, Unidos de Vila Maria e Gaviões da Fiel.

Escola de samba Gaviões da Fiel se apresenta na segunda noite do desfile de carnaval no Sambódromo, em São Paulo. - Amanda Perobelli/Reuters/Direito reservados
Escola de samba Gaviões da Fiel se apresenta na segunda noite do desfile de carnaval no Sambódromo, em São Paulo. – Amanda Perobelli/Reuters/Direito reservados


A escola Dragões de Ouro fez uma viagem ao tempo, enquanto a Mocidade Alegre conta sobre as água sagradas do sol e da lua. A Águia de Ouro escolheu como tema o Brasil e seus desafios. A Gaviões da Fiel fez uma releitura do samba-enredo de 1994.

O “Império do Sol” em alusão ao Peru foi o tema da Unidos da Vila Maria, enquanto a Vai-Vai, Anielle levou para a avenida a irmã da vereadora assassinada há quase um ano, no Rio de Janeiro, Marielle Franco, uma das homenageadas pela escola.

Mais Noticias

Equipe de jornalistas e colaboradores do jornal Diário Carioca. Profissionais de comunicação que trazem as informações mais importantes do Brasil e do Mundo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *