Diário Carioca Google News

em-operacao-de-combate-ao-trafico,-pf-prende-assessor-de-marcos-rogerio,-senador-bolsonarista

A Polícia Federal (PF) prendeu, durante uma operação que tenta desarticular esquema ligado ao tráfico de drogas, um dos assessores do senador Marcos Rogério (DEM-RO), um dos vice-líderes do governo  Jair Bolsonaro (sem partido) no Congresso Nacional. Marcelo Guimarães Cortez Leite, cuja casa também foi alvo de um mandado de busca e apreensão, foi preso na quarta (1º), em Rondônia.

Segundo informações da colunista Juliana Dal Piva, do portal UOL, o agora ex-assessor era considerado uma pessoa de confiança do senador do Democratas e é casado com uma promotora de Justiça do estado, base eleitoral do parlamentar e ponto de trabalho de Leite junto ao mandato federal.

::Saiba quem são os senadores da “tropa de choque” de Bolsonaro na CPI da Covid::

O despacho que resultou na prisão partiu do juiz Antônio Sanada Rocha, da 1ª Vara de Tóxicos e Delitos de Porto Velho (RO). A decisão se deu no âmbito da Operação Alcance, executada pela PF não só na capital do estado, mas também nas cidades de Cacoal (RO), Guajará-Mirim (RO), Boa Vista (RR), Santa Luzia (MG) e Fortaleza (CE).

Esta última seria o destino final do carregamento de droga cujo fluxo é investigado pelos agentes. Ainda segundo informações do UOL, Porto Velho seria ponto de lavagem de dinheiro do esquema. A PF aponta que os envolvidos teriam operado uma tonelada de cocaína na rota Rondônia-Ceará e recebido a quantia de R$ 1,5 milhão num intervalo de 15 dias.

::CPI da Covid vai propor indiciamento de Bolsonaro por charlatanismo::

Pelo Twitter, o senador Marcos Rogério comentou o caso na tarde desta quinta (2) e disse ter ficado surpreso com o ocorrido. Ele informou que desligou o assessor. 

“Fui surpreendido com a notícia de busca e apreensão na casa de um dos meus assessores, lotado no escritório de Porto Velho (RO). Não tenho informações sobre a existência de ilícito, mas, em decorrência das investigações, decidi exonerá-lo, aguardando esclarecimentos dos fatos.”

Fui surpreendido com a notícia de busca e apreensão na casa de um dos meus assessores, lotado no escritório de Porto Velho (RO). Não tenho informações sobre a existência de ilícito, mas em decorrência das investigações decidi exonerá-lo, aguardando esclarecimentos dos fatos.

— MARCOS ROGÉRIO (@MarcosRogerio) September 2, 2021

Edição: Vinícius Segalla


Brasil de Fato

Agência Brasil de Fato traz notícias do Brasil e do mundo, a partir de uma visão popular. Notícias, entrevistas e artigos de opinião