Último jogo de Honda pelo Botafogo foi contra o Coritiba — Foto: Vitor Silva/Botafogo

Keisuke Honda, que renovou seu contrato até o fim do Campeonato do Brasileiro, não vai ficar no Botafogo.

Após lesões, atritos e insatisfação com o clube, o meia japonês pediu para deixar o Glorioso e deve encerrar sua passagem com a camisa alvinegra após 27 jogos e três gols.

Honda ainda vai conversar com o departamento de futebol, mas o presidente eleito Durcesio Mello já foi comunicado.

Entre os motivos que levaram o meia a deixar o clube de General Severiano está a lesão na coxa esquerda, que fará o jogador ficar afastado dos gramados até a reta final do Brasileirão. Honda se machucou na partida contra o Coritiba, pela 26ª rodada.


O extra campo também pesou para a decisão de Honda, que já se mostrava insatisfeito,

Redação do Diário Carioca

Equipe de jornalistas e colaboradores do jornal Diário Carioca. Profissionais de comunicação que trazem as informações mais importantes do Brasil e do Mundo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *