22 C
Rio de Janeiro
8 dezembro, 2021

Campanha mundial pede fim do bloqueio dos Estados Unidos contra Cuba

- Publicidade -

Diário Carioca Google News

Milhares de pessoas se manifestaram a favor do fim do bloqueio econômico contra Cuba, no último domingo (25), em mais uma jornada de protestos da campanha “Pontes de Amor”. O bloqueio imposto pelos Estados Unidos desde a década de 1960 à ilha já gerou um prejuízo estimado em US$ 114 bilhões, o equivalente a cerca de R$ 570 bilhões.

- Publicidade -

A campanha, que teve início neste ano, é promovida por organizações sociais estadunidenses, que convocam manifestações simbólicas, tuitaços e debates internacionais sobre os impactos do bloqueio. No último domingo, houve atividades em 20 cidades, entre elas Miami, Los Angeles, Nova Iorque, Detroit e a capital estadunidense, Washington.

- Publicidade -

:: Leia mais: Conheça o novo plano econômico de Cuba que entrará em vigor em 2021 ::

- Advertisement -

A solidariedade com o povo caribenho também se expressou na China, Rússia, Canadá, Portugal, Reino Unido, Irlanda, Dinamarca, Bélgica, Espanha, Suécia, México, El Salvador, Nicarágua, Panamá e República Dominicana.

“Os protestos mundiais contra o bloqueio se converteram numa onda imparável. Hoje são milhares, amanhã serão milhões. Não há crime que dure 100 anos, nem povo soberano que aceite submeter-se”, afirmou o presidente cubano Miguel Díaz Canel.

Neste momento, o país está prestes a iniciar sua campanha nacional de vacinação com imunizantes próprios. O país é o primeiro a desenvolver cinco fórmulas de medicamentos contra a covid-19 em toda a América Latina. No último sábado, foram abertos 11 mil centros de saúde, que receberão as vacinas Soberana 02 e Abdala.

:: Entenda: Cuba terá tudo pronto para vacinação massiva com fórmulas próprias no próximo sábado ::

No entanto, ainda faltam insumos para começar a imunização nacional. Cuba conta com uma campanha de arrecadação internacional para adquirir seringas.

A campanha irá continuar até junho, quando Cuba deve apresentar uma nova resolução à Organização das Nações Unidas (ONU), exigindo o fim do bloqueio.

:: Relembre: ONU condena por 187 votos a 3 bloqueio dos EUA a Cuba; Brasil vota contra pela 1ª vez ::

Todos os anos, o governo cubano apresenta um relatório completo sobre os impactos do bloqueio e há décadas vence as votações. No entanto, a Casa Branca se nega a respeitar a decisão do pleno da ONU. A próxima convocatória da jornada “Pontes de Amor” está marcada para o dia 30 de maio.

Edição: Poliana Dallabrida


Assine nossa newsletter

Assine nosso Boletim e ique bem informado com as principais notícias do Mundo

- Publicidade -
Brasil de Fatohttps://www.brasildefato.com.br/
Agência Brasil de Fato traz notícias do Brasil e do mundo, a partir de uma visão popular. Notícias, entrevistas e artigos de opinião

Hospitales franceses retrasan operaciones ante la quinta ola de covid

París, 8 dic (EFE).- Varias regiones francesas, entre ellas la de París, pusieron en marcha hoy el plan especial que permite liberar espacio para...

Bachelet: Una vacuna no puede administrarse nunca a la fuerza

Ginebra, 8 dic (EFE).- La alta comisionada de la ONU para los Derechos Humanos, Michelle Bachelet, aseguró hoy que "bajo ninguna circunstancia" se puede...

Sao Paulo exigirá el pasaporte sanitario a partir del 15 de diciembre

Sao Paulo, 8 dic (EFE).- Sao Paulo, el estado más poblado de Brasil, solicitó este miércoles al Ministerio de Salud que exija el llamado...

Reino Unido reintroduce restricciones para frenar la expansión de ómicron

Londres, 8 dic (EFE).- El primer ministro británico, Boris Johnson, anunció este miércoles nuevas restricciones al contacto social para evitar la rápida transmisión de...

Centroamérica, excepto Panamá, experimenta una bajada aguda de los contagios de covid-19

Washington, 8 dic (EFE).- Los países de Centroamérica, excepto Panamá, han experimentado "una bajada aguda" de los contagios de covid-19 en la última semana,...
- Publicidade -

Rio Gastronomia começa com shows de Geraldo Azevedo e Teresa Cristina

Maior evento de gastronomia do Brasil retorna ao Jockey Club Brasileiro nos dias 9 a 12 e 16 a 19 de dezembro.
- Publicidade -