22 C
Rio de Janeiro
8 dezembro, 2021

Cuba apoia “valente” decisão da Nicarágua de sair da OEA

- Publicidade -

Diário Carioca Google News

Havana, 20 nov (EFE).- O governo de Cuba apoiou neste sábado a “valente” decisão da Nicarágua de sair da Organização dos Estados Americanos (OEA), após a entidade desqualificar as eleições de 7 de novembro vencidas pelo atual presidente nicaraguense, Daniel Ortega.

- Publicidade -

O presidente cubano Miguel Díaz-Canel e o ministro das Relações Exteriores, Bruno Rodríguez, expressaram no Twitter apoio a um dos seus importantes países aliados na região.

- Publicidade -

Díaz-Canel disse que a Nicarágua estava mais uma vez dando “lições de soberania e dignidade, valores que são escassos nestes tempos”, ao adotar a decisão “corajosa”.

- Advertisement -

“De Cuba, todo o apoio à corajosa decisão de abandonar o Ministério das Colônias Yankees, como dizia com dignidade o nosso ministro das Relações Exteriores sobre a OEA”, escreveu o governante cubano, referindo-se ao ex-chanceler Raúl Roa (1959-1976):

Rodríguez observou, entretanto, que o anúncio do governo Ortega de se retirar da organização com sede em Washington “constitui uma resposta firme e digna às manobras do secretário-geral (Luis Almagro) dessa organização, em conluio com os Estados Unidos, para tentar interferir nas decisões que pertencem ao povo nicaraguense”.

A OEA afirmou que as eleições ganhas por Ortega e que o concederam um quinto mandato “não foram livres, justas ou transparentes e não têm legitimidade democrática”.

Em resposta, o ministro das Relações Exteriores da Nicarágua, Denis Moncada, enviou um comunicado a Almagro no dia anterior, no qual denunciou a Carta da entidade: “Estamos nos desassociando da OEA”.

A Nicarágua se torna assim o segundo país, depois da Venezuela, a pedir para deixar a OEA. Cuba foi excluída do sistema interamericano em 1962 devido às suas ligações com o então bloco comunista soviético e às suas diferenças com os EUA.

Os membros do bloco solicitaram a incorporação de Cuba em 2009 na 5ª Cúpula das Américas, mas o governo reiterou que não tinha nenhum interesse em retornar. EFE

Assine nossa newsletter

Assine nosso Boletim e ique bem informado com as principais notícias do Mundo

- Publicidade -
Agência EFEhttps://www.efe.com/efe/brasil/3
A agência EFE é um serviço de notícias internacional criado em 1939 em Espanha. É uma das maiores agências de notícias do mundo, primeira em idioma espanhol e principal provedor de serviços informativos para os meios de comunicação nos países de língua espanhola

Especialistas temen a la nueva ola de covid-19 en Honduras tras las fiestas navideñas

Tegucigalpa, 8 dic (EFE).- Las fiestas de Navidad podrían dejar un rebrote de la pandemia de covid-19 en Honduras, donde especialistas ven con preocupación...

Hospitales franceses retrasan operaciones ante la quinta ola de covid

París, 8 dic (EFE).- Varias regiones francesas, entre ellas la de París, pusieron en marcha hoy el plan especial que permite liberar espacio para...

Bachelet: Una vacuna no puede administrarse nunca a la fuerza

Ginebra, 8 dic (EFE).- La alta comisionada de la ONU para los Derechos Humanos, Michelle Bachelet, aseguró hoy que "bajo ninguna circunstancia" se puede...

Sao Paulo exigirá el pasaporte sanitario a partir del 15 de diciembre

Sao Paulo, 8 dic (EFE).- Sao Paulo, el estado más poblado de Brasil, solicitó este miércoles al Ministerio de Salud que exija el llamado...

Reino Unido reintroduce restricciones para frenar la expansión de ómicron

Londres, 8 dic (EFE).- El primer ministro británico, Boris Johnson, anunció este miércoles nuevas restricciones al contacto social para evitar la rápida transmisión de...
- Publicidade -

Rio Gastronomia começa com shows de Geraldo Azevedo e Teresa Cristina

Maior evento de gastronomia do Brasil retorna ao Jockey Club Brasileiro nos dias 9 a 12 e 16 a 19 de dezembro.
- Publicidade -