28.2 C
Rio de Janeiro
5 dezembro, 2021

Merkel apela por medidas mais drásticas contra covid-19 na Alemanha

- Publicidade -

Diário Carioca Google News

Berlim, 22 nov (EFE).- A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, fez um apelo nesta segunda-feira pela adoção de medidas mais drásticas, para conter a evolução da pandemia da covid-19 no país, em meio a alta dos indicadores do contágio.

- Publicidade -

“Estamos em uma situação altamente dramática”, afirmou a chefe de governo, durante reunião da presidência da União Democrata-Cristã (CDU), de acordo com informações veiculadas pela emissora de televisão local “ZDF”.

- Publicidade -

O secretário-geral do partido, Paul Ziemiak, afirmou que Merkel fez um alerta sobre a situação da Alemanha, que, segundo ela, vive o momento mais delicado desde o início da propagação do novo coronavírus.

- Advertisement -

Ziemiak disse, além disso, que as medidas que a futura coalizão de governo, entre social-democratas, verdes e liberais, “não serão suficientes” para deter a alta no contágio, pois, ao invés de reforçar os instrumentos existentes, os suavizam.

O secretário-geral da CDU fez alusão ao novo marco legal aprovado na semana passada pelo Parlamento alemão, elaborado pela aliança que Olaf Scholz pretende liderar, e que substituirá a lei aprovada pela atual coalizão de governo.

O ministro da Saúde, Jens Spahn, nesta segunda-feira, fez uma previsão de que, ao fim do inverno, os alemães estarão “vacinados, saudáveis ou mortos”, em mensagem direta para aqueles ainda não receberam aplicação das doses necessárias dos imunizantes contra a covid-19.

Hoje, o integrante do governo atual concedeu entrevista coletiva e falou da campanha de doses de reforço com vacinas baseadas na tecnologia de mRNA, o que considerava crucial, diante da propagação da variante delta.

Spahn, no entanto, reforçou não acreditar na necessidade de tornar a vacinação obrigatória, como decretou a vizinha Áustria, apesar da Alemanha registrar uma das menores taxas de adesão da Europa, com apenas 68% da população com esquema completo.

Hoje, a incidência acumulada de casos de covid-19 atingiu recorde no país, com 386,5 positivos para cada 100 mil habitantes. Cerca de um mês atrás, a taxa era de 95,1. EFE

Assine nossa newsletter

Assine nosso Boletim e ique bem informado com as principais notícias do Mundo

- Publicidade -
Agência EFEhttps://www.efe.com/efe/brasil/3
A agência EFE é um serviço de notícias internacional criado em 1939 em Espanha. É uma das maiores agências de notícias do mundo, primeira em idioma espanhol e principal provedor de serviços informativos para os meios de comunicação nos países de língua espanhola

EE.UU. prevé permitir viajes desde Sudáfrica en “un periodo razonable de tiempo”

Washington, 5 dic (EFE).- El principal epidemiólogo del Gobierno estadounidense, Anthony Fauci, señaló este domingo que espera que EE.UU. revise sus restricciones de viaje...

Cuba registra 88 nuevos casos de covid-19 y dos muertes

La Habana, 5 dic (EFE).- Las autoridades sanitarias cubanas informaron este domingo que en las 24 horas previas se identificaron 88 nuevos casos por...

Portugal, con muertes en máximos de marzo, refuerza a vacunados de Janssen

Lisboa, 5 dic (EFE).- Portugal notificó hoy 23 fallecimientos por covid-19, un nuevo máximo desde el mes de marzo, en una jornada en la...

Unas 8.000 personas se manifiestan en Bruselas contra las medidas anticovid

Bruselas, 5 dic (EFE).- Unas 8.000 personas recorrieron hoy las calles de Bruselas en protesta contra las medidas sanitarias para contener el coronavirus y...

Paulo Guedes diz que subida dos juros deve provocar desaceleração na economia

O ministro da economia, Paulo Guedes, reconheceu que a subida dos juros para combater a inflação vai provocar uma desaceleração na economia
- Publicidade -

Gávea recebe Festival de Humor

Reunindo alguns dos principais nomes do standup comedy nacional em uma só noite, o Festival de Humor 2021 acontece na Gávea, no Teatro Clara Nunes
- Publicidade -