22.4 C
Rio de Janeiro
29 novembro, 2021

Governo exigirá teste negativo de passageiros de voos para Portugal

- Publicidade -

Diário Carioca Google News

Lisboa, 25 nov (EFE).- Portugal exigirá a partir de 1º de dezembro um teste negativo de coronavírus de todos os passageiros que entrarem no país por via aérea, mesmo que tenham um certificado de vacinação, e endurecerá as sanções para as companhias aéreas que deixam entrar pessoas a bordo sem um teste.

A medida foi anunciada nesta quinta-feira em entrevista coletiva pelo primeiro-ministro português, António Costa, que afirmou que as penalizações para as companhias aéreas serão aumentadas para 20 mil euros por passageiro ou até mesmo a suspensão da licença de voo de um passageiro em território nacional.

O governo reforçará os controles nos aeroportos e utilizará empresas de segurança privadas para verificar sistematicamente se todos os passageiros cumprem as regras. Atualmente, o procedimento é feito de forma aleatória.

Os testes de voo obrigatórios fazem parte do pacote de medidas anunciado pelo governo para enfrentar a quinta onda de contágios, que reforça a utilização de máscaras, testes e certificados digitais.

- Advertisement -

“Temos de estar permanentemente vigilantes e acompanhar a evolução da situação e procurar antecipá-la quando possível para controlar a pandemia”, disse Costa.

O governo recomenda o trabalho remoto e obriga o uso de máscaras em todos os espaços fechados. Além disso, será exigido um certificado digital para entrar em restaurantes, estabelecimentos turísticos e eventos com lugares marcados e academias.

Além do certificado digital, será também exigido um teste negativo para visitar asilos e hospitais, grandes eventos e locais esportivos, boates e bares.

O governo reforçará as medidas após o Natal, para evitar que as reuniões familiares provoquem uma escalada de infecções, como aconteceu no ano passado.

Por este motivo, entre 2 e 9 de janeiro – a “semana do contágio”, disse Costa – será obrigatório o trabalho remoto, as escolas serão fechadas e as boates também.

O país também passará a partir de 1º de dezembro para um estado de calamidade, um passo abaixo da emergência, a fim de ter o marco legal necessário para poder implementar todas as medidas anunciadas. EFE

Assine nossa newsletter

Assine nosso Boletim e ique bem informado com as principais notícias do Mundo

- Publicidade -

Japón vuelve a vetar la llegada de extranjeros al país por la nueva cepa

Tokio, 29 nov (EFE).- El Gobierno de Japón anunció hoy que volverá a vetar la entrada en el país de nuevos residentes extranjeros, así...

Venezuela suma 650 nuevos casos de covid-19

Caracas, 28 nov (EFE).- Las autoridades de Venezuela detectaron 650 nuevos casos de covid-19 en las últimas 24 horas, todos por transmisión comunitaria, informó...

Japón contempla endurecer el control fronterizo debido a variante ómicron

Tokio, 29 nov (EFE).- El primer ministro de Japón, Fumio Kishida, anunció hoy que el país baraja endurecer más sus medidas de control fronterizo...

México reporta 38 nuevas muertes y 1.050 nuevos casos por coronavirus

Ciudad de México, 28 nov (EFE).- México reportó 38 nuevas muertes por la covid-19 en las últimas 24 horas, la tercera cifra más baja...

Vasco encaminha as contratações de Ricardo Gomes e Zé Ricardo

Técnico e executivo já acertaram bases salarias com o Gigante da Colina e devem ser anunciados nesta semana
- Publicidade -

A Culpa é do Cabral recebe MC Carol

A Culpa é do Cabral, mesa redonda de humor consagrada pelo quinteto de comediantes formado por Fabiano Cambota, Nando Viana, Rafael Portugal, Rodrigo Marques e Thiago Ventura recebe MC Carol no próximo episódio inédito.
- Publicidade -