Diário Carioca Google News

A Lei 9.370/21 foi sancionada pelo Poder Executivo e publicada no Diário Oficial desta quarta-feira (21/07). De autoria do deputado Carlos Minc (PSB), a medida regulamenta os procedimentos de transparência sobre o cumprimento de metas relacionadas ao saneamento básico. A norma valerá para as empresas que prestam o serviço no estado, que deverão publicar on-line o Relatório Anual de Avaliação das Metas de Saneamento, explicando de forma simples as metas definidas nos contratos de concessão e usando mapas temáticos, gráficos e mídias digitais para facilitar a compreensão.

A divulgação deverá mostrar o estágio de implementação das metas. Na Região Metropolitana, o responsável por essa divulgação seria o Instituto Rio Metrópole. O relatório deverá conter uma descrição da infraestrutura do sistema existente e da hidrografia; da qualidade da água dos corpos receptores; a aferição da potabilidade da água distribuída; o cumprimento de metas sobre esgoto e água; além de estatísticas sobre doenças transmitidas pela água.

Na justificativa do projeto, o autor explica que a Lei Federal 14.026/20, que definiu o Novo Marco Regulatório do Saneamento Básico, trouxe mudanças e traçou como meta a universalização do acesso até 2033. “É fundamental para que os objetivos sejam alcançados, que se tenha transparência e controle social sobre o que é, e o que será feito, para se atingir esse objetivo; o acesso à água de qualidade e esgoto devidamente coletado e tratado”, declarou Minc.

Newsletter

Mais Noticias

Lo que no dicen de Cuba

No empezó con Biden, hay que decir. Desde el 2017 vienen martillando la falacia de un estallido social en Cuba con su solución mágica, la “intervención humanitaria”

Redação do Diário Carioca

Equipe de jornalistas e colaboradores do jornal Diário Carioca. Profissionais de comunicação que trazem as informações mais importantes do Brasil e do Mundo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *