29 C
Rio de Janeiro
terça-feira, dezembro 1, 2020
- Publicidade -

Kassio Nunes: juiz deve seguir lei independentemente do clamor popular

- Publicidade -

Ao passar por sabatina hoje (21) no Senado, o juiz federal Kassio Nunes Marques disse que devido a problemas na legislação e na atuação da Justiça na fiscalização de administradores públicos, muitos atualmente não querem exercer função na administração pública pela “claudicância e variedade de interpretações”, o que, segundo ele, gera insegurança.

O desembargador não quis avaliar casos de contratações feitas durante a pandemia do novo coronavírus, mas afirmou que é importante o juiz do caso levar em consideração a circunstância em que foi feita a compra. Para ele, são necessárias “normas mais claras e prudência” do magistrado.

Kássio disse que cabe ao juiz aplicar a lei e a Constituição. “A postura do magistrado é aplicar a lei e a Constituição vigentes naquele momento, independentemente se isso vai  satisfazer anseios e clamores, o calor do clamor popular naquele momento, porque, agindo assim, esse clamor vai ecoar no foro próprio, que é o Congresso Nacional, onde estão os legítimos representantes do povo, onde os senhores convivem com a sociedade no seu dia a dia”, disse.

Presunção de inocência

Durante a sabatina, o indicado à vaga deixada pela aposentadoria do ministro Celso de Mello reforçou seu perfil garantista várias vezes, por exemplo, quando falou sobre presunção de inocência. “A presunção de inocência perpassa pela criminalização da advocacia, da política. É caro à sociedade brasileira. Não podemos limitar a incidência do tema à prisão em 2ª instância. É um instituto que deve ser preservado”, defendeu o juiz.

Juiz de garantias

Com relação ao juiz de garantias, o desembargador lembrou que, apesar de ser aprovado pelo Congresso, existe uma suspensão no Supremo Tribunal Federal. Ele afirmou que a divergência com o Parlamento tem a ver em como esse instrumento será ‘procedimentalizado’. 

“Entre o que foi construído, edificado normativamente e a realidade há uma certa distância, especialmente no caso de tribunais como o da 1ª Região, que se agigantou, se interiorizou. Nós criamos subseções judiciárias em todos os estados, varas especializadas, juizados especiais. Então, absolutamente, não tem o que se falar neste momento nada contra o juiz de garantia. Tudo que for de garantia, acho que é importante, mas a dúvida talvez esteja no Supremo, em torno de como dar efetividade a esse instituto”, ressaltou.

LGBTQ+

Sobre o que pensa sobre os direitos já reconhecidos pela Justiça pela comunidade LGBTQI+, como casamento e adoção, o magistrado evitou polêmicas. “Temos uma cultura jurídica no país. Há pacificação social no que diz respeito a isso. Compete ao Congresso transformar em norma”, afirmou,  sobre o fato de muitos desses direitos não estarem previstos em lei.

Intervalo

Após cinco horas de sabatina, às 13h15, por causa do tamanho da lista de senadores inscritos para arguir Kassio Nunes Marques, a senadora Simone Tebet (MDB-MS, presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), decidiu fazer um intervalo de 30 minutos para almoço. Até o momento 13 senadores, além do relator já haviam feito perguntas.

Quando a sessão for retomada, outros ainda devem usar a palavra, além do relator ad hoc, Rodrigo Pacheco (DEM-MG).

O processo de votação foi aberto na CCJ no meia da manhã, mas o número de votos só será revelado após a conclusão da sabatina. A depender do horário do final da reunião, a indicação pode ser analisada ainda hoje pelo plenário do Senado. Kassio Nunes Marques precisa da maioria absoluta dos votos, ou seja, apoio de no mínimo 41 dos 81 senadores para ser aprovado como novo ministro do Supremo Tribunal Federal.

- Publicidade -

Veja Também

Luiz Solano toma posse como presidente da Abrajet/DF – A volta dos cassinos – O Rio pontifica

A convite do presidente da Abrajet Nacional (Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo), Evandro Novak (SC), o jornalista Luiz Solano (foto) tomará posse como presidente da Abrajet/DF no próximo dia 18, às 16 horas, na Associação Comercial do DF (ACDF), da qual é diretor
- Publicidade -

Últimas Notícias

Luiz Solano toma posse como presidente da Abrajet/DF – A volta dos cassinos – O Rio pontifica

A convite do presidente da Abrajet Nacional (Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo), Evandro Novak (SC), o jornalista Luiz Solano (foto) tomará posse como presidente da Abrajet/DF no próximo dia 18, às 16 horas, na Associação Comercial do DF (ACDF), da qual é diretor
- Publicidade -

Boletim Carioca

Assine nossa Newsletter e receba as últimas notícias e ofertas de nossos parceiros em seu email

“Diz-Me Quem Sou”: Veja o pôster oficial da série da HBO

Baseada no best-seller homônimo de Julia Navarro, a nova minissérie espanhola estreará na América Latina no dia 6 de dezembro

Horóscopo de quarta-feira 02 de dezembro de 2020

Confira a previsão do horóscopo do dia 02 de dezembro de 2020 e fique por dentro de tudo o que o seu signo lhe reserva para o amor, dinheiro e saúde.

Clientes Giro terão 30 dias grátis em aplicativo de jornais e revistas

Além de ganharem um mês pelo uso da Bebanca, os interessados vão contar com 70% de desconto na plataforma do parceiro posteriormente

Kiko Soares lança dueto com Beth Carvalho: “Pagode do Trem”

Kiko Soares chega bem acompanhado neste seu primeiro single, que lança nesta semana em que se comemora o dia do samba: Beth Carvalho divide com ele os vocais de “Pagode do Trem”

Livro RioFilme: O cinema carioca na lente da história será lançado no Rio

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e da RioFilme, realizará nesta quinta-feira (03/12), às 13 h, o lançamento do livro RioFilme: O cinema carioca na lente da história, na Biblioteca Parque

Agora é lei: Rio de Janeiro terá plano para enfrentamento da covid-19 na gestão dos servidores de limpeza urbana

O objetivo principal é a adoção de medidas de proteção epidemiológica com atenção especial para a saúde dos catadores de materiais reutilizáveis ou recicláveis e demais trabalhadores nos serviços de resíduos sólidos.
- Publicidade -