Diário Carioca Google News

A mostra de cinema gratuita “Encontros à deriva: Retrospectiva Hong Sang-soo”, em cartaz no CCBB Rio, traz filmes importantes nesta semana. É uma oprtunidade de assistir a obras aclamadas pela crítica mas raras no circuito comercial. Além de sete longas de quarta a domingo, haverá o debate DEBATE: Entre a indústria sul-coreana e os festivais de cinema: reflexões em Hong Sang-soo, na quarta. Abaixo, a programação de 21 a 25 de julho.

21 de julho (quarta-feira)

17h30 – A Filha de Ninguém ( 누구의 딸도 아닌 해원, 2013) Coreia do Sul, 90 min, 12 anos

19h30 – DEBATE: Entre a indústria sul-coreana e os festivais de cinema: reflexões em Hong Sang-soo

22 de julho (quinta-feira)

17h30 – O Dia Depois (그 후, 2017) Coreia do Sul, 92 min, 12 anos

23 de julho (sexta-feira)

17h30 – A Câmera de Claire (클레어의 카메라, 2007) Coreia do Sul, 69 min, 12 anos
Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=KDJ3Lt_MCIA

24 de julho (sábado)

14h30 – O Poder da Província Kangwon (강원도의 힘, 1998) Coreia do Sul, 110 min, 16 anos

17h – Na Praia à Noite Sozinha (밤의 해변에서 혼자, 2017) Coreia do Sul, 91 min, 12 anos

25 de julho (domingo)

14h30 – O Hotel às Margens do Rio (강변 호텔, 2010) Coreia do Sul, 96 min, 14 anos

17h – Conto de Cinema ( 극장전, 2005) Coreia do Sul, 90 min, 16 anos)

Ingressos: na bilheteria do CCBB ou no site https://www.eventim.com.br/artist/hongsang-soo/
Link: https://ccbb.com.br/rio-de-janeiro/programacao/encontros-a-deriva-retrospectiva-hong-sang-soo/

CCBB Rio de Janeiro
Novo horário de funcionamento a partir de 21.07
Domingo, segunda e quarta – das 9h às 19h
Quinta, sexta e sábado – 9h às 20h
Agendamento da visita pelo site eventim.com.br

A bilheteria física está aberta, com impressão de ingressos. Os agendamentos on-line continuarão como opção para todos os eventos. Por motivo de segurança e controle sanitário, continuamos com a necessidade de emissão de ingresso para a entrada no prédio.

SOBRE HONG SANG-SOO

Nascido em Seul, em 1961, o cineasta contemporâneo sul-coreano Hong Sang-soo é reconhecido pela crítica mundial como um dos mais importantes e producentes realizadores em atividade. Ao lado de cineastas como Kim Ki-Duk, Lee Chang-Dong, Bong Joon-ho e Park Chan-Wook, Hong Sang-soo é um dos representantes do novo cinema coreano (New Korean Cinema ou Nouvelle Vague Coreana), ciclo iniciado nos anos 1990 após a redemocratização da Coreia do Sul. Em apenas duas décadas, Hong já realizou 24 longas-metragens ficcionais, atingindo a média de praticamente um filme por ano. Mesmo com a alta produtividade, sua extensa filmografia ainda é pouco conhecida pelo grande público. Abordando situações cotidianas com um humor ácido, seus filmes simples e densos possuem ampla circulação em festivais, mas poucos chegam ao circuito comercial. No Brasil, apenas oito títulos foram lançados comercialmente em salas do circuito “de arte”, outros 13 trabalhos tiveram circulação restrita a mostras de cinema, e três sequer foram exibidos aqui.

SOBRE O CCBB RJ
O Centro Cultural Banco do Brasil Rio de Janeiro funciona de quarta a segunda, das 9h às 18h. O CCBB RJ está adaptado às novas medidas de segurança sanitária: entrada apenas com agendamento on-line (eventim.com.br), controle da quantidade de pessoas no prédio, fluxo único de circulação, medição de temperatura, uso obrigatório de máscara, disponibilização de álcool gel e sinalizadores no piso para o distanciamento. No teatro e cinema a capacidade foi reduzida para 40%, com higienização completa antes de cada apresentação/sessão.

FICHA TÉCNICA
Curadoria: Isabel Veiga, Samuel Brasileiro e Vitor Medeiros
Coordenação Geral: Luzes da Cidade – Grupo de Cinéfilos e Produtores Culturais

SERVIÇO
Mostra de Cinema Temática
Encontros à deriva: Retrospectiva Hong Sang-soo
Ingressos: eventin.com.br
Data: 7 de julho a 8 de agosto de 2021
Local: Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) Rio de Janeiro
End.: R. Primeiro de Março, 66 – Centro – Rio de Janeiro

Newsletter

Mais Noticias

Lo que no dicen de Cuba

No empezó con Biden, hay que decir. Desde el 2017 vienen martillando la falacia de un estallido social en Cuba con su solución mágica, la “intervención humanitaria”

Redação do Diário Carioca

Equipe de jornalistas e colaboradores do jornal Diário Carioca. Profissionais de comunicação que trazem as informações mais importantes do Brasil e do Mundo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *