21.6 C
Rio de Janeiro
sexta-feira, novembro 20, 2020
- Publicidade -

Megaoperação no Complexo da Maré dura mais de 10 horas; mulher grávida é baleada

- Publicidade -
- Publicidade -
Maiara Oliveira da Silva, de 20 anos, foi baleada enquanto estava em casa – Foto: Reprodução

Moradores do Complexo de favelas da Maré amanheceram nesta terça-feira, 27, com uma megaoperação policial em suas portas. A operação começou por volta das 5h e mobilizou cerca de 300 agentes de cinco delegacias, cinco blindados e um helicóptero. Maiara Oliveira da Silva, de 20 anos, grávida de cinco meses, foi baleada enquanto estava em casa, na favela Nova Holanda. A jovem foi encaminhada para o Hospital Evandro Freire, na Ilha do Governador.

Segundo a Polícia Civil do Rio de Janeiro o objetivo da operação é prender mais de 100 foragidos que pertencem ao Comando Vermelho e estariam escondidos nas favelas do Parque União, Rubens Vaz, Parque Maré e Nova Holanda. A operação terminou por volta das 18h, 21 pessoas foram presas. Foram apreendidos três fuzis, uma pistola, granadas, silenciadores, drogas e dezenas de carros e motos roubados. A Polícia Civil informou ainda, que os agentes descobriram um depósito clandestino com 30 toneladas de produtos falsificados, como brinquedos, avaliados em R$ 20 milhões; e 200 mil mochilas falsificadas.

Ao longo de toda a terça-feira os testes da Covid-19, feitos pelo projeto Conexão Saúde dentro da Maré, foram suspensas. Além disso as Clínicas da Família Augusto Boal, Diniz Batista dos Santos e Jeremias Moraes da Silva não realizaram atendimentos.

De acordo com o Maré de Direitos, da Redes da Maré, várias denúncias foram feitas acerca de casas sendo invadidas por policiais. Nas redes sociais moradores relatavam sobre a situação na favela. “Cara a operação aqui na Maré começou 5h, e ainda tá rolando, acabei de ser informado que uma mulher grávida foi baleada, carros foram amassados, casas invadidas, pertences roubados, tudo um caos. Nem a quarentena da pra fazer em paz”.

Caso tenha presenciado ou sido vítima de violação de direitos durante a operação, entre em contato com o Maré de Direitos pelo WhatsApp (21) 99924-6462

Leia mais: Decisão do STF sobre operações policiais nas favelas cariocas completa 50 dias

Leia mais: Com queda de 70% nas mortes em favelas, STF decide sobre operações policiais

Leia mais: Proibição do STF a operações nas favelas reduziu em 74% mortes por policiais

- Publicidade -

Veja Também

Últimas Notícias

- Publicidade -

Boletim Carioca

Assine nossa Newsletter e receba as últimas notícias e ofertas de nossos parceiros em seu email

Alerj obriga hospitais e maternidades a divulgarem Lei das Doulas

O texto seguirá para o governador em exercício, Cláudio Castro, que terá até 15 dias úteis para sancioná-lo ou vetá-lo.

Alerj regulamenta cancelamento presencial e virtual de contratos de produtos ou serviços

Os consumidores poderão efetuar o cancelamento de contratos de fornecimento de produtos ou serviços nas lojas físicas ou por...

Smithsonian Channel produz série sobre os vikings em formato inovador

O Smithsonian Channel aprovou a produção de uma série que promete abordar a cultura viking de forma inovadora. O...

Homem negro morre após ser espancado na unidade do Carrefour em Porto Alegre

Um homem negro foi espancado e morreu em decorrência das...

No Curta!, documentário mostra arte e a técnica do icônico arquiteto brasileiro Vilanova Artigas

Considerado um dos maiores arquitetos brasileiros do século XX, o curitibano João Batista Vilanova Artigas (1915-1985), mais conhecido como Vilanova...

Em 72 anos, SP elegeu apenas seis vereadoras negras; quatro delas em 2020

Em sua 18 º Legislatura, a Câmara Municipal de São Paulo terá...

Veja alguns spoilers da série de Samuel L. Jackson para o National Geographic

O National Geographic estreia na sexta-feira, dia 20 de novembro, às 21h, a série Escravidão: Uma História de Injustiça, que traz o renomado...
- Publicidade -