Representantes do Programa de Artesanato Estadual, vinculado à Secretaria de Estado de Turismo do Rio de Janeiro, estiveram, durante toda a semana passada, na região turística Águas do Noroeste. Por conta da pandemia, a fim de evitar aglomeração, a tradicional solenidade de entrega da Carteira Nacional do Artesão foi suspensa. No entanto, mais de duzentos documentos foram entregues às prefeituras, que se encarregarão de repassá-los aos artífices.

O secretário de estado de Turismo, Gustavo Tutuca, destaca a importância do trabalho da equipe do artesanato que está rodando o interior para acelerar a entrega das carteiras aos profissionais já cadastrados.

– Com a pandemia, a quantidade de carteiras a serem entregues, aumentou consideravelmente, uma vez que o cadastro continuou de forma online. Sabemos que o artesão fica ansioso pelo documento que o identifica como profissional e garante benefícios. Por esse motivo fizemos questão de que o Programa de Artesanato visite todas as regiões.

O subsecretário de Estado de Turismo, Gerciano de Lima Luz, acompanhou o trabalho e ressaltou que o contato direto com os responsáveis por gerenciar o artesanato no interior é de extrema importância para fortalecer a atividade a nível estadual.

– Nos encontros conversamos sobre as ações e projetos do Programa de Artesanato que beneficiam os profissionais. Além disso, sempre destaco a importância da Portaria do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, que Institui o Programa do Artesanato Brasileiro, cria a Comissão Nacional do Artesanato e dispõe sobre a base conceitual do artesanato brasileiro.

Gerciano lembrou ainda a importância do cadastramento e da celebração do acordo entre o programa estadual e os municípios. Com o documento assinado são agilizadas parcerias que fortalecem a atividade e auxiliam os profissionais das cidades.

A Carteira Nacional do Artesão garante diversos benefícios, como a participação em feiras, a obtenção de microcrédito e descontos na compra de matéria-prima. O documento é adquirido após os requerentes cumprirem todas as etapas do cadastro, que pode ser realizado online. Foram atendidos artífices de Aperibé, Bom Jesus do Itabapoana, Cambuci, Italva, Itaocara, Itaperuna, Laje do Muriaé, Miracema, Natividade, Porciúncula, Santo Antônio de Pádua, São José de Ubá e Varre-Sai.

Equipe de jornalistas e colaboradores do jornal Diário Carioca. Profissionais de comunicação que trazem as informações mais importantes do Brasil e do Mundo