20.2 C
Rio de Janeiro
- Publicidade -
- Publicidade -

Sancionada renegociação de dívidas com fundos do Norte, Nordeste e Centro-Oeste

- Publicidade - Diário Carioca Google News

O presidente Jair Bolsonaro sancionou a Lei 14.166, que permite a renegociação extraordinária de dívidas com os fundos constitucionais do Norte (FNO), do Nordeste (FNE) e do Centro-Oeste (FCO). A norma foi publicada, com vetos, na edição desta sexta-feira (11) do Diário Oficial da União.  

A nova lei é resultado da Medida Provisória 1.016/2020, enviada pelo Poder Executivo ao Congresso Nacional em dezembro do ano passado. A tramitação só foi concluída em maio passado, após alterações feitas pelos parlamentares. 

A lei recém-sancionada autoriza aos bancos administradores a renegociação, o diferimento e a concessão de descontos para a quitação de débitos, bem como a substituição de encargos e a prorrogação do vencimento de parcelas. 

Os fundos constitucionais foram criados para ajudar na promoção do desenvolvimento econômico e social das regiões por meio de programas de financiamento aos setores produtivos, beneficiando, por exemplo, empresas, produtores rurais, cooperativas de produção, além de outros agentes econômicos. São formados pela repartição de receitas da arrecadação tributária e operados por diferentes instituições financeiras, como Banco da Amazônia, Banco do Nordeste e Banco do Brasil. 

Vetos
Após ouvir o Ministério da Economia, o presidente Jair Bolsonaro decidiu vetar vários pontos na nova norma. O primeiro deles dizia que a renegociação extraordinária poderia ser solicitada pelo mutuário sempre que satisfeitas as condições estabelecidas.

Segundo o governo, tal proposta tornaria o mecanismo automático, contrariando o interesse público por ampliar o número de operações abrangidas.  Além disso, teria potencial para comprometer negativamente o patrimônio dos fundos e poderia ser entendida como forma de incentivo à inadimplência. 

Outro item vetado foi sobre operações em fase de cobrança judicial. O artigo autorizava o acréscimo de honorários advocatícios máximos equivalentes a 1% do valor da dívida ao saldo devedor a ser liquidado ou renegociado. 

Para o Executivo a intenção é até meritória, mas acrescer honorários advocatícios ao saldo devedor ampliaria o benefício financeiro da renegociação, com a inclusão de valor não se refere aos custos contratuais originais. Isso criaria novas despesas para os fundos constitucionais sem a apresentação de estimativa de impacto orçamentário e financeiros e de medidas compensatórias, conforme determina a Lei de Responsabilidade Fiscal (Lei Complementar 101, de 2000). 

O presidente Jair Bolsonaro também vetou artigos que afastavam algumas exigências de regularidade fiscal para a renegociação de operações de crédito. Segundo técnicos do governo, a iniciativa é contrária ao interesse público, pois dispensa, por exemplo, a exigência do Certificado de Regularidade do FGTS, o que é prejudicial ao trabalhador, pois tal certificado é o único documento que comprova a regularidade do empregado perante o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço. 

Os anexos 1 e 2 da nova lei também foram totalmente vetados. Eles estabeleciam os percentuais relativos aos bônus de adimplência e aos rebates na liquidação. 

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

MG: Iepha divulga pontuação provisória do ICMS Patrimônio Cultural

A tabela de pontuação provisória do programa ICMS Patrimônio Cultural, do exercício 2020, já está disponível...

Ministro da Saúde anuncia que 1,5 milhão de doses da Janssen chegam amanhã (22) no Brasil

Durante a audiência pública da Comissão Temporária da Covid - 19, no Senado, nesta segunda-feira (19,...

Horóscopo de terça-feira 22 de junho de 2021

Confira a previsão do horóscopo do dia 22 de junho de 2021 e fique por dentro de tudo o que o seu signo lhe reserva para o amor, dinheiro e saúde.

The Strokes compartilham trecho da nova música 'Starting Again' no anúncio de Maya Wiley

The Strokes apresentou uma prévia de uma nova música chamada 'Starting Again' em um comercial para a candidata a prefeito de...

Operação Zelotes: Lula e outros seis são absolvidos de acusação de corrupção

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e outras seis pessoas foram absolvidas de acusação de corrupção...

Intenção de Consumo das Famílias tem alta de 2,1%

Nesta segunda-feira (18) a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) divulgou que...

CNM alerta municípios a enviarem dados do Siope

Os gestores municipais devem lembrar de realizar o registro bimestral das informações dos gastos em educação...

Ministério da Saúde promove curso sobre abordagem de famílias para doação de órgãos

Curso “Entrevista Familiar para Doação de Órgãos ”, promovido pelo Ministério da Saúde, está com inscrição...

O TEMPO EA TEMPERATURA: Nordeste com áreas de chuva nesta terça-feira (22)

Nesta terça-feira (21) o tempo passa a ficar firme na maior parte do Nordeste devido ao...

O TEMPO EA TEMPERATURA: Áreas de instabilidade nesta terça-feira (22) pelo Sudeste

Nesta terça-feira (22) uma frente fria avança deixando o tempo instável nas faixas sul ao leste...

O TEMPO EA TEMPERATURA: Tempo firme predomina em todo o Centro-Oeste nesta terça-feira (22)

Nesta terça-feira (21) o tempo firme predomina em todo o Centro-Oeste do Brasil. Somente no...

O TEMPO EA TEMPERATURA: Frio continua predominando na região Sul, nesta terça-feira (22)

Nesta terça-feira (21) uma frente fria avança pela costa da região Sul, deixando o tempo instável...

O TEMPO EA TEMPERATURA: Nesta terça-feira (22) a chuva chega com intensidade moderada à forte na região Norte

Conforme as condições de tempo praticamente praticamente como mesma, assim como a área da chuva, na...

Banco Central eleva de 4,85% para 5% a expansão do PIB para 2021

De acordo com o boletim Focus divulgado nesta segunda-feira (15) pelo Banco Central, com base em...

Covid-19: Queiroga afirma que todos os brasileiros acima de 18 anos devem receber a primeira dose da vacina até setembro

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, disse que toda a população brasileira acima de 18 anos deve receber a primeira dose...