14.3 C
Rio de Janeiro

São Paulo bate Novorizontino e segue 100% no Estadual, veja os gols

- Publicidade -
Diário Carioca Google News

Antes de enfrentar o Santos no primeiro clássico do Paulista de 2019, o São Paulo também fez sua parte e garantiu, contra o Novorizontino, nesta quinta (24), no interior, sua segunda vitória na competição.


Ainda sem Hernanes, que também não deverá enfrentar o rival no fim de semana, o time do técnico André Jardine venceu por 3 a 0, gols de Everton, Diego Souza e Pablo.


Dois dos três gols são-paulinos contaram com a colaboração do goleiro Vagner, ex-Ituano e Palmeiras.

- Advertisement -


Depois de Everton abrir o placar, Vagner e o zagueiro Flávio se desentenderam em bola alçada na área e Diego Souza, sozinho, só teve o trabalho de empurrar. No terceiro, Pablo chutou de muito longe e o goleiro espalmou para dentro.

- Advertisement -


Na terceira rodada do Paulista, o São Paulo entra em campo contra o Santos no domingo. O time tricolor, com seis pontos na liderança do Grupo D, será visitante no Pacaembu -o time da Baixada também tem 100% de aproveitamento. Já o Novorizontino, com três pontos na segunda posição do Grupo B, viaja para enfrentar o Mirassol, às 19h.


A goleada na primeira rodada, contra o Mirassol, não impediu que André Jardine optasse por mudar o time titular do São Paulo. O técnico trocou três peças para o jogo desta quinta-feira: Arboleda por Bruno Alves, Jucilei por Liziero e Helinho por Diego Souza. Assim, Nenê foi deslocado para a ponta direita, com Pablo e Diego se alternando para recompor o trio de meio-campistas com Liziero e Hudson.


Depois de dar duas assistências na estreia do Tricolor no Paulistão, Nenê mostrou de novo que está afiado na hora de servir os companheiros. Logo aos sete minutos de jogo, o camisa 10 acertou linda cavadinha para encontrar Everton no meio dos zagueiros. O ponta bateu de direita no contrapé do goleiro Vagner e abriu o placar.


A ordem de Jardine é manter a posse e trabalhar a bola com calma desde a defesa. Contra o Mirassol, a estratégia funcionou bem e o time envolveu a marcação sem muita dificuldade, principalmente no segundo tempo. Já diante do Novorizontino a história foi mais complicada. Hudson, Liziero e Reinaldo tiveram problemas para conseguir sair jogando, mas os companheiros mostraram bom poder de recuperação para evitar maiores sustos. Primeira fase do Paulistão hora de praticar as ideias do treinador


Depois de se lesionar contra o Ajax, na Florida Cup, e perder a estreia no Estadual, Diego Souza voltou com tudo como titular. O veterano já havia feito boas jogadas como pivô, quando Pablo ainda era o mais adiantado do ataque, até que um presente foi entregue pela defesa do Novorizontino. Everton lançou, Flavio Boaventura e Vagner trombaram e a bola ficou limpa para Diego rolar para o gol vazio.


Quando o segundo tempo chegou a 12 minutos, Jardine mexeu duas vezes no São Paulo. Uma delas por necessidade, já que Liziero sentiu dores no lado direito da virilha e deu lugar a Jucilei, justamente quem havia lhe cedido vaga no time titular. Também saiu Nenê, para descansar e dar espaço a Helinho.


O São Paulo mostrou certa dificuldade para fechar os espaços pelo meio na etapa final, mesmo com a entrada de Jucilei para marcar mais. Pablo precisava recuar o tempo todo, mas isso acabou deixando o atacante com espaço nos contra-ataques. Em um deles, carregou pelo meio e resolveu arriscar de fora da área. O chute saiu forte e no meio do gol. Vagner foi estranho para a bola e deixou passar. Fim de jogo, com o placar de 3 a 0 para o São Paulo.

NOVORIZONTINO
Vagner; Lucas Ramon, Everton Sena, Flávio Boaventura, Paulinho; Adilson Goiano, Jean Patrick, Murilo (Cléo Silva); Paulinho Moccelin (Pedro Carmona), Felipe Marques, Carlos Henrique (Carlinhos). T.: Roberto Fonseca

SÃO PAULO
Tiago Volpi; Bruno Peres, Bruno Alves, Anderson Martins, Reinaldo; Hudson, Liziero (Jucilei), Nenê (Helinho); Pablo, Diego Souza (Araruna), Everton. T.: André Jardine

Estádio: Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte (SP)
Juiz: Marcio Henrique de Gois
Cartões amarelos: Felipe Marques e Flavio Boaventura (Novorizontino); Tiago Volpi (São Paulo)
Gols: Everton, aos 7min, e Diego Souza, aos 29min do primeiro tempo, e Pablo, aos 26min do segundo tempo

- Advertisement -
- Publicidade -
Redação do Diário Cariocahttps://diariocarioca.com
Equipe de jornalistas e colaboradores do jornal Diário Carioca. Profissionais de comunicação que trazem as informações mais importantes do Brasil e do Mundo

Mais Notícias

- Publicidade -
- Publicidade -

Veja Também

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


fethiye escort denizli escort denizli escort bayan diyarbakır escort diyarbakır escort bayan edirne escort edirne escort bayan erzincan escort erzincan escort bayan erzurum escort erzurum escort bayan gaziantep escort gaziantep escort bayan gümüşhane escort gümüşhane escort bayan hakkari escort hakkari escort bayan hatay escort hatay escort bayan ığdır escort ığdır escort bayan ısparta escort ısparta escort bayan istanbul escort istanbul escort bayan izmir escort izmir escort bayan karabük escort karabük escort bayan kars escort kars escort bayan kastamonu escort kastamonu escort bayan kilis escort kilis escort bayan kırıkkale escort kırıkkale escort bayan www.escortperl.com

denizli escort denizli escort bayan diyarbakır escort diyarbakır escort bayan edirne escort edirne escort bayan erzincan escort erzincan escort bayan erzurum escort erzurum escort bayan gaziantep escort gaziantep escort bayan gümüşhane escort gümüşhane escort bayan hakkari escort hakkari escort bayan hatay escort hatay escort bayan ığdır escort ığdır escort bayan ısparta escort ısparta escort bayan istanbul escort istanbul escort bayan izmir escort izmir escort bayan karabük escort karabük escort bayan kars escort kars escort bayan kastamonu escort kastamonu escort bayan kilis escort kilis escort bayan kırıkkale escort kırıkkale escort bayan www.escortperl.com