O novo smartphone Galaxy S da Samsung funciona com sua caneta pela primeira vez. A S Pen é um add-on opcional para o Galaxy S21 Ultra. Mas a mudança alimentará as especulações de que a empresa eliminará sua linha separada de aparelhos Note.

A Samsung disse em entrevista que ainda não tomou uma decisão sobre isso. As vendas de aparelhos da empresa diminuíram mais rapidamente do que no mercado em geral. Um especialista disse que uma linha simplificada pode ajudar a resolver isso.

“Há uma lógica crescente para a Samsung convergir as plataformas Galaxy S e Note, visto que há bem pouca diferenciação entre os dois tipos de dispositivos agora”, disse Ben Wood, da consultoria CCS Insight.

A vantagem de ter uma caneta é que é mais fácil escrever, desenhar ou fazer anotações do que usar o dedo. Jogos que exijam precisão serão, por exemplo, mais bem aproveitados, como é o caso dos puzzles, jogos de cassino online, jogos de desenhos e pinturas. Mas para funcionar, a caneta requer um hardware especial sob o vidro da tela do telefone para passar a energia e rastrear sua ponta.

Uma experiência Note expandida

O Galaxy S21 Ultra baseado em Android tem uma tela de 6,8 pol. (17,3 cm), que é apenas um pouco menor do que o Note, de 6,9 pol. Nos anos anteriores, os telefones Note eram conhecidos como “phablets”, e seu tamanho era o outro fator chave de distinção com a linha S.

O gerente de produto Mark Notton disse que “não decidimos”, quando questionado se a Samsung planejava continuar com a família Note. “Isso não significa que a Samsung não esteja comprometida com a categoria Note, mas está expandindo a experiência do Note em todas as categorias de dispositivos”, disse a empresa sobre o dispositivo que tanto favorece a exploração de jogos e aplicativos pelo tamanho de sua tela.

Imagem: Divulgação/Samsung

“Vamos ouvir ativamente o feedback dos consumidores e refleti-lo em nossa inovação contínua de produtos”, completou”. Qualquer site de apostas online está apostando todas as fichas para uma possível mescla entre as versões S e versões Note. 

O S21 Ultra terá preço inicial de £ 1.149 quando chegar às lojas em 29 de janeiro. A S Pen custa £ 35 extras sozinha, ou £ 85 quando embalada com uma caixa que a armazena.

Sem mais carregadores

Existem também dois outros modelos de baixo custo na nova linha, nenhum dos quais funciona com a caneta S-Pen: o S21 de 6.2 polegadas e  S21+ de 6.7 polegadas. Todos os três modelos apresentam um módulo de câmera redesenhado em suas costas.

Os aparelhos também se beneficiam de uma nova facilidade de Visão do Diretor. Ele permite que os usuários filmem vídeos enquanto obtêm visualizações em miniatura sobrepostas na tela de como seria se eles mudassem para outra lente.

Todos os três telefones podem filmar em 8K – o dobro da resolução máxima do aplicativo de vídeo nativo da linha concorrente do iPhone 12.

Uma notícia ruim para os usuários: a Samsung abandonará um slot para um cartão de memória microSD. Ademais, os modelos serão vendidos sem um carregador – uma decisão sobre a qual a Samsung zombou de seu rival.

Equipe de jornalistas e colaboradores do jornal Diário Carioca. Profissionais de comunicação que trazem as informações mais importantes do Brasil e do Mundo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *