Diário Carioca Google News

Foto Divulgação


Neste domingo (1/8), a partir das 23h, a TV Cultura leva ao ar um concerto inédito da Brasil Jazz Sinfônica em homenagem a Tom Jobim. A apresentação, com regência do maestro João Maurício Galindo, foi gravada no Memorial da América Latina.

O repertório do concerto inclui as composições Jobimniana (Cyro Pereira), Samba do Avião (Tom Jobim / Arr: Cyro Pereira), Surfboard (Tom Jobim / Arr: Cyro Pereira), Chovendo na Roseira (Tom Jobim / Arr: Fernando Corrêa), Pato Preto (Tom Jobim / Arr: Rodrigo Morte), Garota de Ipanema (Tom Jobim e Vinicius de Moraes / Arr: Alexandre Mihanovich), Eu Sei Que Vou Te Amar (Tom Jobim / Arr: Gustavo Bugni / saxofone solo: Paula Valente) e Suíte “Canção do Amor Demais” (Tom Jobim / Arr: Amilton Godoy / Orq: Rodrigo Morte).Curiosidades do concerto:Os arranjos

Todas as peças tocadas pela Jazz Sinfônica são escritas exclusivamente para a orquestra. Ou seja, os arranjos são exclusivos e inéditos.Os músicos

Diversos músicos da Jazz também são arranjadores e emprestam seu talento para solos de tirar o fôlego.Competência

Regida por grandes maestros, composta por inúmeros talentos, a Brasil Jazz Sinfônica é única no mundo, que tem apenas uma missão: perpetuar a música popular, em especial, a brasileira.Por fim, soma-se tudo isso à obra do inigualável Tom Jobim, sob a batuta de João Maurício Galindo. E a Jazz Sinfônica emociona a todos com essa homenagem a um dos grandes baluartes da música popular brasileira.

Redação do Diário Carioca

Equipe de jornalistas e colaboradores do jornal Diário Carioca. Profissionais de comunicação que trazem as informações mais importantes do Brasil e do Mundo