Diário Carioca Google News

video-“olimpico”-haia-2022-pedindo-tribunal-para-bolsonaro-viraliza-nas-redes

No clima dos Jogos Olímpicos de Tóquio, cuja cerimônia de abertura aconteceu nesta sexta-feira (23), um vídeo com imagens de competições foi parar nos assuntos mais comentados do Twitter. Nele, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) faz atividades físicas. Ao final, aparece na imagem a inscrição “Haia 2022” em referência ao Tribunal Internacional de Haia.

Leia mais: Olimpíada de Tóquio começa com manifestações antirracistas e luta contra covid; veja fotos

Ao longo de um minuto e meio de vídeo, o presidente é mostrado fazendo flexões de braço, andando a cavalo, usando um tripé de câmera como arma e agredindo a deputada Maria do Rosário (PT). O vídeo lembra de alguns “recordes” de Bolsonaro e do governo federal.

“Com Bolsonaro, a Amazônia perde quase 100 campos de futebol por hora. Um recorde. Com Bolsonaro, a invasão de territórios indígenas dobrou. Um recorde. Com Bolsonaro, o Brasil cruzou a marca de 500 mil mortes pela Covid-19. Um recorde. Bolsonaro é o primeiro brasileiro denunciado ao Tribunal de Haia”.

Leia também: Por que Bolsonaro está sendo acusado de cometer crimes contra a humanidade?

Bolsonaro foi denunciado ao Tribunal Internacional de Haia, na Holanda, pelo Coletivo de Advocacia em Direitos Humanos (CADHu) e pela Comissão Arns, em novembro de 2019, por graves violações contra o meio ambiente e os povos indígenas no Brasil.

O narrador do vídeo afirma que “é hora de submeter o atleta ao julgamento da História”, em alusão ao suposto histórico de atleta que o presidente já disse publicamente ter. A legenda final anuncia: “Vem aí Haia 2022. Morte não é esporte”.

Edição: Eduardo Miranda


Brasil de Fato

Agência Brasil de Fato traz notícias do Brasil e do mundo, a partir de uma visão popular. Notícias, entrevistas e artigos de opinião